Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Special Things by Me

Um blog sobre ser mãe, mulher e esposa. Um blog sobre os desafios da maternidade, sobre alimentação especial, um blog sobre tudo e sobre nada.

Special Things by Me

Um blog sobre ser mãe, mulher e esposa. Um blog sobre os desafios da maternidade, sobre alimentação especial, um blog sobre tudo e sobre nada.

As obras são precisas, mas....

Eu moro numa zona que pertence a uma freguesia deslocada. Vou explicar a freguesia mais próxima da minha pacata aldeia não é a mais próxima.... até o carteiro quando começou a trabalhar lá ia colocar as encomendas não reclamadas nos ctt da freguesia mais próxima e não a que pertencíamos. 

Como tal para lá chegarmos íamos por uma estrada nacional, e a escolinha da minha filha fica ai... uma viagem de 10 min e tudo bem... o problema foi quando fecharam aquela estrada para fazer umas obras de Santa Engrácia que já duram à quase a um ano. 

Claro que no inicio todos respeitavam o corte da estrada, o desvio faz com que demore mais 5 minutos a ir por a pequena a escola ou a ir buscar do que já demorávamos, com o passar do tempo e visto que a estrada que passamos a ir para a escola dela e para a tal freguesia está em muito mau estado mesmo e acumula lá transito muitas vezes, o pessoal começou a furar a estrada em obras e arriscam-se a passar por lá. Eu fiz isso uma vez porque estava atrasada e jurei para nunca mais, o risco de vir um carro em sentido contrário e nos bater é enorme visto que a estrada é cheia de curvas e está cheio de obstáculos das obras. 

Ontem leio nas notícias que a estrada que uso actualmente para ir por a M a escola esta uma vergonha e a câmara diz que no segundo semestre deste ano irá avançar para uma grande obra de restruturação. Eu fico logo em pânico conhecendo as obras em Portugal e a esperteza de quem as planeia, calculei logo que nem se vão lembrar que a outra estrada nacional que dá acesso a freguesia está cortada... e vão condicionar mais um acesso, obrigando-nos a desvios sem sentido onde andamos para a frente para depois voltar a trás e fazer o dobro do percurso. 

Temo que este ano levar a pequena a escola se vá manifestar uma grande dor de cabeça para nós. 

 

Para não falar que parte do troço que fazemos actualmente pertence a outro concelho, e essa estrada está ainda mais vergonhosa com buracos que fazem temer qualquer pneu furado logo pela manhã... se esta câmara também decidir fazer as suas obras... aí sim tenho de reconsiderar por a miúda noutra escola, porque vão cortar ou condicionar todos os acessos a dita freguesia. 

 

Isto é o que dá morar no fim do mundo, em que os acessos todos estão em estado lamentável, e ficarmos na transição de 2 freguesias, e de dois concelhos.... Cada morador reclama da estradas a sua respectiva câmara e elas conhecendo Portugal, nem vão consultar a outra câmara ou freguesia para verificar se estes planeiam fazer qualquer tipo de obra nas estradas. 

A nossa sorte é que possivelmente esta promessa de que as obras a segunda estrada nacional possa cair em águas de bacalhau como é costume. E dê tempo para a estrada que está cortada à quase uma ano reabra.