Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Special Things by Me

Um blog sobre ser mãe, mulher e esposa. Um blog sobre os desafios da maternidade, sobre alimentação especial, um blog sobre tudo e sobre nada.

Special Things by Me

Um blog sobre ser mãe, mulher e esposa. Um blog sobre os desafios da maternidade, sobre alimentação especial, um blog sobre tudo e sobre nada.

Coisas que me fazem confusão

Espero não ser crucificada, mas faz-me muita confusão crianças com 3 anos ainda mamarem, e não é só uma vez é de manhã, ao fim do dia, para adormecer e ainda algumas vezes por noite. E a mãe achar isso a coisa mais natural do mundo....o leite de manhã e a noite antes de dormir não me faz confusão. Mas o dar várias vezes a noite faz-me sim confusão...não se trata de uma questão de alimentação mas sim e peço desculpa de vício, conforto o uso da mamã como de uma chucha. E essa é outra crianças com mais de três anos ainda usarem chucha para todo o lado.... Faz-me confusão num grupo de amamentação dizerem que é normal um bebé passar duas ou três horas agarrado a mama, que não, um bebé não faz da mama chucha. Desculpem mas um bebé por norma em 15 a 30min obtém o alimento...num pico de crescimento pode pedir leite mais vezes....Mas daí a dizer que é normal o bebé a noite se agarrar a mama e n deslagar é perfeitamente normal, isso faz-me muita confusão. Não digo para dar logo chucha, mas também não dar logo mama para resolver um choro....aliás quando tem fome antes de chorar mostram pela expressão facial e mãos que estão a procura da mama....o outro choro pode ser cólicas, medo, frio, pedir carrinho ou birra de sono....claro que o caminho mais fácil é oferecer a mama....ou por na cama com a mãe... e o que me faz mais confusão é dizer que é tudo natural mas passado um ou dois anos, que os filhos não dormem independentemente, que a mãe não dorme uma noite de sono completa a mais de três anos e se queixa, não gosta de ouvir que houve uma altura em que se esqueceu de dar asas ao filho...é tudo natural, mas até nas tribos mais naturais como a norma é ter filhos com diferença de 9 a 18 meses o normal é o filho deixar de mamar para dar lugar ao novo bebé...natural mas em documentários de BBC vida animal vemos mães mamíferos recusarem dar mama a determinada altura porque os filhos já tem idade para ser independentes. Hoje em dia caímos em excessos, as mães que nem tentam dar....e as mães que se recusam a perceber que os seus filhos já são crianças e não bebés. E com isto o excesso arrasta-se com desculpas para mau comportamento....desde ver crianças tentarem bater nos pais, e atenção todos passam por isto....Mas muitos pais ignoram ou só dizem n se faz, ou castigar e depois a criança chorar e o outro progenitor dar mimo....sim ser pai ou mãe é super difícil, eu própria quando ouço a minha filha chorar e vir ter comigo não lhe dou mimos até olhar para o outro progenitor ou familiar e ver pela expressão o que fez....se fez mal calmamente falo com a M, e pergunto o que se passou e porque que o pai ou tio está chateado....sim às vezes custa imenso, até porque quem está por fora está com a cabeça calma e o castigo até pode parecer exagerado, mas o outro progenitor tem a cabeça quente e só ele sabe o que aconteceu...e quando falo em castigos não são físicos mas sim um time out a um canto ou quando tem idade para perceber não deixar fazer qualquer coisa que gostem nesse dia....Mas claro para resultar é preciso conversar com a criança após a birra ou o choro passar. Infelizmente o que eu vejo é pais darem desculpas, aí é o sono, ou ela queria muito um brinquedo. A do sono até pode ser verdade, mas aí o melhor é levar para o quarto e por a dormir, se tiver três anos quando acordar vai se lembrar sim que bateu em alguém. A M tem três anos e lembra se de coisas que aconteceram a três meses atrás... Claro que estando eu grávida agora é mais complicado ouvir a M chorar, fico logo com lágrimas nos olhos, mas tento sempre racionalizar e perceber se ela tem razão ou se está a chorar porque foi repreendida, se resulta sempre, não tenho dias que me esqueço e digo ao marido que podia ter lidado com a situação com mais calma....Mas nessas vezes o que acontece é logo a M tentar levar a dela avante porque vê a mãe como aliada.

Odeio fanáticos em geral mas....

...mas as que me tiram mesmo do sério são as mães fanáticas por amamentação ou as bullying moms.

E quem são estas aves raras perguntam vocês, são aquelas mães que leram em todo o lado que se deve de dar mama até aos 3 anos, que não existe leite fraco, que se deve oferecer sempre mamã as vezes que o bebé quiser (mesmo que isso implique de hora a hora), que se for preciso até dormem de mama ao leu para ter o bebé sempre ali contente e satisfeito. 

E qual o problema, o problema é que muitas destas senhoras nunca tiveram um filho com problemas a mamar, nunca tiveram problemas a amamentar e por isso muitas delas fazem-se de CAM (conselheiras de amamentação) e muitas são as tais voluntárias dos Grupos de SOS amamentação. Outras não são CAM mas adoram andar na net e facebook a fazer cyber bullying a mamãs que desabafam ou perguntam o porquê do bebé delas chorar muito a noite ou no final do dia, ou n se aguentarem tantas horas a dormir. 

Primeiro vem amigas do peito, dizendo que não há leite fraco, que o corpo da mãe adapta-se as necessidades do bebé e que portanto é o que ele precisa então deve de continuar a dar. 

Mas basta vir alguém como eu dizer que o leite pode não estar fraco porque isso não existe, mas por algum motivo a quantidade de leite já não estar a ser suficiente para ele e que isso naturalmente ocorre, são poucas as mães nos dias que correm que conseguem dar de mamar a uma criança para além dos 6 meses. Que estas senhoras passam-se e apelidam nos de preguiçosas e más mães...

Porque, simples as vezes que o bebé mama é menor, a mãe trabalha logo também descansa menos e se calhar já não se hidrata o suficiente. 

A minha experiência a amamentar foi péssima má mesma... a M pegava na mama mas não puxava o leite... e era muito dorminhoca... dei com bico de silicone e ela assim mamava melhor, e engordava, mas comecei a notar que durante o dia ao final do dia ela ficava sempre muito irrequieta e que muitas vez nem sombra de gases tinha. 

Infelizmente a tonta aqui apesar de ter a bomba em casa da Medela, só se lembrou de ir tirar leite no período de mais irritabilidade da pequena após passar ano novo a chorar pq a M não se calava... e resultado n saia leite... depois de me acalmar o leite voltou e comecei a verificar após um período de 24h a dar maioritariamente leite de biberão com leite tirado com a bomba e vi que ao final do dia não tinha leite suficiente para chegar aos 120 ml que ela precisava. Então de manhã que era quando tinha mais leite tirava o excesso e usava o excesso a mais para dar a ultima mamada da noite... E durante a noite acordava sempre de 3 em 3 horas mesmo que a M não acorda-se (nunca acordou a pedir mama) para garantir que estimulava o peito... mas mesmo assim a quantidade era cada vez menor... pedi ajuda a SOS amamentação e insistiam que eu devia de largar a bomba (que só usava para tirar o excesso) e insistir em dar mamã as vezes que precisa-se que o leite havia de aumentar... nunca aumentou... e quando aumentava a produção adivinhei era com a bomba, porque a bomba estimulava mais o peito do que a M a mama.... 

Depois quando a M tinha 3 meses, já bebia suplemento 1 x por dia, pq o leite que tinha nem chegava para um récem nascido (período das 19.00 as 00:00) e li finalmente um artigo que dizia que as mães sofriam flutuações no leite principalmente ao final do dia e que por isso muitas vezes os bebés ficavam irritadiços e as mães diziam que era cólicas, mas se dessem de mamar mais vezes nesse período o bebé acalmava e elas conseguiam dormir e eles descansar... mas que não eram cólicas era que o leite que tinham armazenado na mamita não era suficiente e a produção devido ao cansaço da mãe já não era tão rápido. A noite a prolactina está em alta, por isso é que as mamãs acordam muitas vezes com o peito a arrebentar e ou tiram o leite com bomba ou acordam o rebento para ele mamar... e isso coincide não por ser de noite mas quando as mães descansavam bem. 

Ora sempre ouviram o ditado que para criar uma criança e preciso uma aldeia, exactamente num período em que a mãe amamenta em exclusivo o bebé é essencial a mãe dormir muito e por isso os médicos recomendam dormir sempre que o bebe dorme para produzir mais leite. 

Claro que depois isto depende de corpo para corpo e de filho para filho e de facto existem mulheres que produzem muito leite e outras que produzem pouco. 

Mas o problema é que as mães fanáticas não acreditam na ciência, não acreditam que existem mães que tem pouco ou nenhum leite, ou que o leite nem chega a subir... acham que é tudo desculpa por não querer amamentar. 

Insultam dizendo pois dar de mamar é trabalhoso, quando eu tinha mais trabalho que elas porque dava mamã e a seguir ou tinha de dar suplemento e lavar e esterilizar biberões ou então tinha de pegar na bomba e ficar mais 30 min ou mais a tirar leite, e esterilizar máquina e biberões.... Mas mesmo assim essas mães fazem bullying  e dizem que tem a opinião delas formadas e que quem não dá mamã é porque não quer porque o leite não acaba a não ser que a mãe queira. 

Esqueçam isto se estão grávidas não liguem a isto e sim o leite pode acabar, senão não havia suplementos que tentam aumentar a produção de leite, sim um comprimido que os médicos receitam para mães cujo o leite não chega para o bebé... mas poucas mães sabem que ele existe... não faz milagres. 

Quando fui internada para a cirurgia, ainda tentei manter o leite e ia extraindo com bomba, fiquei cheia de gretas sabem porque tinha tanto mas tanto leite, porque me estavam a dar 3 litros de soro (hidratação) mas como um enfermeira tão sábia me disse, aqui só descansa e dorme o que quer e pode... ta a ver porque que dizemos sempre as mães para dormirem muito....

 

E desculpem o argumento que usam de que dar mamã é trabalhoso, lol é de me fazer rir as lágrimas, é só tirar a mama fora e cá vai disto, trabalhoso é ter de as 4 da manhã andar a limpar biberões e aquecer o leite em banho maria ou num aquecedor de biberão (demora quase 3 min a por o leite bom) enquanto ao colo temos um pequeno ser a reclamar por leite... ou então sair de casa com fraldas, termo com água quente e 3 a 4 biberões só porque vamos passar o dia fora... e já me chegou a acontecer dizer ao B que tinhamos de ir para casa porque já só tinha um biberão limpo e uma dose de leite... Pois quando se da mama é só levar fraldas e muda de roupa e ir alegres e contentes para qualquer lado...