Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Special Things by Me

Um blog sobre ser mãe, mulher e esposa. Um blog sobre os desafios da maternidade, sobre alimentação especial, um blog sobre tudo e sobre nada.

Special Things by Me

Um blog sobre ser mãe, mulher e esposa. Um blog sobre os desafios da maternidade, sobre alimentação especial, um blog sobre tudo e sobre nada.

No dia do Livro...

Conto como comecei a ler, foi no meu 12º aniversário a minha irmã mais velha oferece-me dois livros, um era a pedra filosofal (Harry Potter) e outro não me recordo o nome mas a história ficou na memória. 

Na altura o Harry Potter ainda não tinha sucesso em Portugal, era a primeira edição do livro e a minha irmã diz-me : "Supostamente está a ter muito sucesso na Inglaterra" e eu lembro-me de pensar bolas recebi dois livros com títulos a parecer livros de filosofia. 

Não peguei no livro de Harry Potter mas sim no segundo livro e li-o e ficou-me no coração, contava a história de uma menina de 3 ou 4 anos, que passava muito tempo na rua, pois sua mãe não lhe ligava muito... e um homem negro que sofria de traumas (não sei quais) e a menina a explorar o mundo e a fazer perguntas a ele, faz com que o homem renasça e que se construa uma bela amizade entre aqueles dois... uma amizade inocente e pura... entre o amor de um homem que não é pai da criança e de uma criança que não sabe o que é o amor de pais. Acaba em tragédia infelizmente a menina tem um acidente e morre... mas esta história ficou-me no coração... o livro algures guardado em casa da minha mãe. 

Depois de ler este livro pensei, bem se calhar a minha irmã até acertou nos livros, porque eu não gostava muito de ler como qualquer pré-adolescente. E peguei no livro do Harry Potter, que tinha a mesma idade que eu... e apaixonei-me pela leitura, todos os anos sai-a um livro e este acompanhou o meu crescimento e sai-a sempre próximo do meu aniversário e acho que todos os livros que tenho foi a minha irmã V que mos deu.... lembro-me de estar na fila da Fnac para a compra do último livro em Inglês.... e ser entrevistada pela Sapo ehehe... 

Depois destes dois primeiros livros, nunca mais julguei um livro pela capa ou pelo título. E todos os anos pedia livros pelos meus anos, e o meu melhor Natal foi um que as minhas irmãs me ofereceram 12 livros, lembro do meu namorado (o B claro) perguntar 12 livros grande seca, não gostaste... e eu foi a melhor prenda que me podiam dar. 

Sim eu contento-me simplesmente com livros... dizem que as mulheres precisam de diamantes, mas eu preciso é de livros, quantos mais melhor.

images (3).jpg

 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.