Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Special Things by Me

Um blog sobre ser mãe, mulher e esposa. Um blog sobre os desafios da maternidade, sobre alimentação especial, um blog sobre tudo e sobre nada.

Special Things by Me

Um blog sobre ser mãe, mulher e esposa. Um blog sobre os desafios da maternidade, sobre alimentação especial, um blog sobre tudo e sobre nada.

E agora o que comemos??

Soja  - transgénica e má.

Leite - é mau

Porco - é carne gorda e má, mas agora também possivelmente cancerígena 

Vaca -  carne vermelha comer em moderação mas agora é considerada como possivelmente cancerígena

Salsichas, carnes picadas embaladas (contendo sulfitos e afins), enchidos (ai a minha rica farinheira e bacon) -  já sabíamos que era pouco saudável comer isto, mas agora serem considerados como cancerígenos equiparados ao tabaco... é forte muito forte... e agora as latas de salsicha vão ter um rótulo a dizer que o seu consumo pode aumentar o risco de cancro do cólon e recto?! 

Glúten -  faz mal também segundo muitos. 

 

Mas deixando o tom de brincadeira, agora foi a OMS a comunicar o dito dos enchidos e carnes processadas. E estes senhores não brincam em serviço... e sendo eu da área da oncologia, sei que este não é o único factor de risco. Mas também sei que quem tem familiares com cancros do recto e do cólon deveriam sim de levar este assunto muito a sério. Porque de uma coisa não se livram existe muita pré-disposição genética no cancro. Apesar de não estar totalmente descoberto, a verdade é que eu vejo cada vez mais pessoas nos processos clínicos que os avós e pais sofriam ou faleceram também de cancro. E infelizmente para estes casos os tumores parecem ser bem mais agressivos. 

 

Eu por exemplo sei que tenho pré-disposição para vir a ter diabetes, apesar de falhar imensas vezes porque sou doida por chocolates, tento me lembrar disso e tentar praticar mais desporto. Mas os hábitos são muito difíceis de retirar. 

Eu já só comprava enlatados de aves, e hambúrgueres de aves. Carne picada apenas a picada no talho. Eu até já tinha pensado em fazer na festa de anos da M (é já para a semana :S) os folhados de salsicha que os miúdos adoram e que a minha M adora.... mas agora olho para as latas e penso eu não daria um cigarro a ela. 

Vou ter de reeducar hábitos lá em casa, sendo que o marido é o mais difícil a convencer, mas eu própria me sinto a nora quando olho para receitas com quinoa e leguminosas e veganas... olho para maior parte dos ingredientes e sinto que não sei cozinhar. Espero que agora com este alerta surjam mais um workshops de comida vegana e eu me inscreva num. 

Posso não ir a tempo de mudar o meu palato e do meu marido, mas dos meus filhos vou a tempo de eles não consumirem carnes processadas e carne vermelha e de porco com tanta regularidade como nós. 

 

E agora em tom de brincadeira, e a feijoada tão típica de Portugal e o Cozido? Opá que será da nossa gastronomia?! 

6 comentários

Comentar post