Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Special Things by Me

Um blog sobre ser mãe, mulher e esposa. Um blog sobre os desafios da maternidade, sobre alimentação especial, um blog sobre tudo e sobre nada.

Special Things by Me

Um blog sobre ser mãe, mulher e esposa. Um blog sobre os desafios da maternidade, sobre alimentação especial, um blog sobre tudo e sobre nada.

Bolachas para o chá

O carnaval passou-se no quentinho em casa, nunca fui muito dada ao Carnaval. É ridículo, está imenso frio em Portugal, a maioria dos disfarces são finos, logo temos de vestir as crianças com camadas de roupa e mesmo assim quando vão desfilar ou rapam frio ou vão como na escola da M, todos de casaco.

Nada contra a brincadeira dos disfarces e afins, alias acho que isso estimula a imaginação das crianças, mas já o fazem na escola com a arca da imaginação.... sempre que escolhem lá ir brincar podem se disfarçar daquilo que entenderem e brincarem assim. Não é preciso dias dedicados a isso.

Então este Carnaval super chuvoso nem deu para sair de casa na Terça, e como entreter uma criança, bora lá fazer bolachas, aguentou 1 min, logo a seguir pediu comida lol.

 

Fiz a receita que a Educadora da M gentilmente cedeu na altura do Natal, deu como prenda aos pais, um recipiente decorado pela M com um preparado para bolachas que a M pode-se comer :D. Na altura já as tinha feito e desta vez repeti a receita mas com alterações ao que tinha em casa.

 

Ingredientes:

110 gr de farinha com fermento

1 c. de chá de gengibre em pó ou de canela.

1 c. de chá de bicarbonato de sódio

2 c. de sopa de açúcar amarelo (Desta vez usei apenas 2 c. de sopa de melaço de cana para gastar o que tinha em casa e não usei o açúcar)

2 c. de sopa de mel

50 gr. de margarina vegetal

 

 

Preparação:

Colocar todos os ingredientes secos e se quiser oferecer coloque num frasco enfeitado com a receita.

Depois colocar a margarina vegetal e misturar com ajuda das mãos ou num processador de comida ou bimby (velocidade 5, 30 seg)

Juntar o mel ou o melaço e misturar pelos mesmos seg. a mesma velocidade.

No final fazer uma bolas e achatar com um garfo.

Rende pouca quantidade por isso podem duplicar se quiserem.

 

20160209_145648[1]Aqui o frasquinho decorado pela M

20160209_145612[1]

 Aqui as bolachinhas.

 

 

Olha eu armada em mãe do Ruca...

Como andava a remoer o facto de não ser a mamã que idealizava, na minha cabeça seria a mãe de avental a fazer bolos e bolachas para os mais novos. Este fim-de-semana pego numa receita que a M podia comer e parto eu a fazer bolahcas e depois o raio das bolachas ficam tão rijas que a M não conseguia comer... mas nós adultos conseguimos por isso fica a receita... E já agora quem conseguir ou tiver uma receita de bolachas moles sem ovo que diga a je ok...

 

Bolachas de aveia e laranja:

  • 100 gr de flocos de aveia integral
  • 150 gr de farinha 
  • 80 gr de açúcar amarelo
  • casca de meia laranja sem a parte branca
  • 20 gr de azeite
  • 60 gr de sumo de laranja
  • 1 pitada de canela em pó
  • 1 pitada de sal

Pré-aqueça o forno a 180º.

Coloque no copo da Bimby os flocos de aveia, o açúcar e a casca de laranja e programe 20 segundos, velocidade 9.

Adicione os restantes ingredientes e programe 20 segundos, velocidade 6.

Estenda bem com um rolo da massa (muito díficil de estender e cortar e deitei metade fora, tentem por um pouco mais de sumo de laranja) e corte com cortador ou com um copo 

Coloque num tabuleiro forrado ou com papel vegetal ou com um tapete de silicone e leve as bolachinhas ao forno por 12 minutos.

 

CYMERA_20150511_143118[1]

 

 

 

Experimentei e não gostei

Como tenho de levar bolachas para a M para a creche (de outra maneira não ficava descansada que a escola cumpri-se as minhas indicações) pedi logo no inicio ao marido para ir comprar mais bolachas, porque as que tinha em casa as Maria bio da gullon estavam a meio já.  Disse que encontrava no Jumbo para ler os rótulos mas se tivesse dificuldade para ir ao Celeiro e pedia ajuda ai encontrava de certo. 

Esqueci-me de dizer ao homem foi que não era na secção de bolachas mas sim na dieta especial, então ele não encontrou no Jumbo e claro não pediu ajuda. Foi ao Celeiro e após explicar muito bem o que queria a funcionária (sério não lhes dão formação?!) lá encontrou por um balúrdio bolachas, umas muito boas que sabem a coco e tem pepitas de chocolate (sim existe chocolate sem leite) que a M adora e não partilha connosco a não ser se tiver cheia. E outras que abri tipo bolacha maria mas com cereais e fibra. Pois a M não gosta e eu provei e fiquei mas que raio... Não são doces, não são salgadas. Nem sei o que são. Sei que existem adultos com intolerâncias e alergias alimentares e que fazem dieta, epa mas este é o grande problema das dietas para mim, é que é tudo muito semelhante a comer pedaços de cartão. 

E olhem que eu não sou esquisita, até nem gosto muito de doces... por isso quando digo que sabe a cartão é porque sabe mesmo mal, faz me lembrar aqueles cereais de fibra tipo palitos mas com um sabor pior...

Agora terei de triturar aquilo e ir misturando nos iogurtes dela e meus, para ver se o pacote desaparece porque foi demasiado caro. E lá está deviam de dar melhor formação as funcionárias pois se era para uma bebé de 14 meses, algo sem sabor e com fibra, se calhar não é a melhor opção.

CYMERA_20150113_225554.jpg

CYMERA_20150113_225448.jpg

 

Biscoitos de limão

Durante as minhas pesquisas de bolachas da net sem leite e sem ovo, deparei-me com esta receita brasileira da sociedade vegan. E tentei adaptar a receita para a M poder comer. Todas as mães que tem filhos com alergias ou intolerâncias alimentares deparam-se sempre com o problema da falta de variedade e do elevado custo que as bolachas tem no nosso mercado português. 

 

Ingredientes:

150 gr de creme vegetal (usei da marca alpro soya)

170 gr de açúcar (eu depois de fazer a receita e ao provar acho que é demasiado doce)

raspa da casca de limão

Sumo de 1 limão

200 gr de farinha com fermento

 

Preparação:

Aquecer o forno a 200ºc.

Bater o creme vegetal com o açúcar até ficar um creme homogéneo, na bimby programa-se 1 min na velocidade 4. 

Juntar o sumo de limão e a raspa e misturar tudo, ou programar 30 seg. velocidade 4.

Juntar a farinha misturar até incorporar a farinha, 1min na velocidade 4. 

Colocar num tabuleiro com papel vegetal e fazer bolas com auxílo de uma colher, tenham atenção que estas vão espalmar muito por isso pouca quantidade e deixem espaço entre elas cerca de dois dedos. Eu coloquei muita quantidade e fiquei com biscoitos gigantes.

CYMERA_20150111_164747

 

 Ficam um biscoitos super crocantes e viciantes de comer, o marido que o diga lol, mas como era muito doce não dei a M. Terei de cortar no açúcar e tentar novamente.